29 setembro 2021

Anne Samilly representa o Maranhão no Concurso Mini Miss Brasil em Porto Alegre - Rio Grande do Sul

  
No último final de semana de setembro, foi realizado na cidade de Porto Alegre - RS o concurso de beleza Mini Miss Brasil Mundial, que recebeu as meninas e meninos mais notáveis do país. As beldades estiveram na disputa pelo o mais cobiçado título de beleza Infantil e Teen do Brasil.

O destaque vai para nossa conterrânea, a jovem Anne Samilly Martins de 16 anos, que é a atual Miss Maranhão Mundial na categoria Teen e representou o nosso estado nessa importantíssima e relevante competição.

O concurso foi muito acirrado, porém Anne mostrou toda a sua beleza, carisma e desempenho e nos enche de orgulho trazendo para a nossa ilha duas faixas, ela foi eleita como Miss Brasil simpatia, e Miss Brasil 2° princesa.

“Estou muito feliz em ter participado desse importante concurso que é o Mini Miss Brasil Mundial podendo levar e representar a cultura do meu estado e agradeço a minha família e amigos pelo apoio” afirma Anne Samilly.

Anne também compartilhou que para além dos concursos de beleza tem vários projetos e pretende continuar com suas ações sociais.

Osmar vai debater direito da pessoa com deficiência no transporte público


A Câmara Municipal de São Luís vai discutir em audiência pública possíveis alterações na Lei Municipal do Passe Livre, no que tange ao direito de ir e vir da pessoa com deficiência. A proposta de discussão, de autoria do presidente da Câmara Municipal de São Luís, Osmar Filho (PDT), foi aprovada por unanimidade na sessão ordinária desta terça-feira (28).

De acordo com o vereador, a proposição teve origem em comunicação feita pelo Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Luís (COMDEF), informando ter recebido inúmeras denúncias de pessoas com deficiência e seus familiares, que tiveram, de maneira arbitrária, seus cartões de gratuidade de transporte bloqueados.

“Além deste fato, pelo ofício que recebemos, o COMDEF verificou que diversos dispositivos da Lei do Passe Livre precisam ser alterados para se adequarem ao disposto na legislação nacional”, pontuou o vereador.

A proposta vai ao encontro de uma iniciativa da Prefeitura de São Luís, por meio das secretarias Extraordinária da Pessoa com Deficiência (Semeped) e de Trânsito e Transportes (SMTT), que no início do mês de agosto se reuniram com representantes do COMDEF e Coordenação do Fórum Metropolitano das Entidades de Pessoas com Deficiência e Patologia para tratar sobre o sistema de gratuidade no transporte público do Município. Na oportunidade foram discutidas propostas de soluções para problemas identificados no sistema de transporte municipal, como funcionamento correto do elevador para pessoas com deficiência.

Fonte: Blog do Jorge Aragão

28 setembro 2021

Tribunal de Justiça do Maranhão passa exigir comprovante de vacinação para acesso aos prédios do poder judiciário

O presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, Desembargador Lourival Serejo, baixou uma portaria nesta terça-feira (28), anunciando que a partir da próxima segunda-feira, 4 de outubro, só terá acesso aos prédios do poder judiciário maranhense quem comprovar a vacinação contra COVID-19.

De acordo com o documento vale para magistrados, defensores públicos, servidores, advogados, terceirizados e qualquer pessoa que quiser acessar as estruturas que envolvem o 2º grau da Justiça do Maranhão.

A portaria exigia no mínimo a primeira dose da vacinação, mas desde que o prazo da segunda dose não esteja vencido.


Fonte: Diego Emir

Ministério Público emite parecer exigindo renovação da frota de ônibus de SLZ


O Ministério Público do Maranhão (MPMA) emitiu parecer contrário ao pedido de suspensão da renovação da frota de ônibus da capital maranhense feito em Ação Civil Pública proposta pelo Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo de Passageiros de São Luís junto à Vara dos Direitos Difusos de São Luís. Assinou a manifestação ministerial a promotora de justiça Lítia Cavalcanti, titular da 10ª Promotoria de Justiça Especializada na Defesa do Consumidor da Capital.

O pedido do sindicato prevê a suspensão da obrigatoriedade de os consórcios do serviço de transporte urbano de passageiros promoverem a renovação dos veículos com mais de 10 anos (até dezembro de 2022) e dos veículos equipados com ar-condicionado (até dezembro de 2023).

Para o MPMA, a solicitação afeta diretamente a qualidade da frota dos ônibus coletivos de São Luís, comprometendo inclusive a circulação dos veículos de passageiros equipados com ar-condicionado.

“É inconcebível a pretensão do sindicato de suspender a renovação da frota de ônibus com mais de 10 anos e de veículos equipados com ar-condicionado, constituindo inegável retrocesso social, na medida em que esse direito do usuário é resultante de uma longa demanda judicial iniciada por este órgão ministerial no ano de 2010, em que se postulou judicialmente pela realização de procedimento licitatório destinado à concessão das linhas do sistema de transporte urbano da Capital”, disse a promotora de justiça Lítia Cavalcanti.

“Portanto, depois de tanto esforço para conseguirmos garantir um transporte mais digno aos usuários, querem retroceder. Não podemos permitir que a população perca direitos já adquiridos”, completou.

CRONOGRAMA

Ajuizada contra o Município de São Luís, a ação do sindicato obteve inicialmente decisão liminar favorável. A entidade argumentou que a pandemia de Covid-19 acarretou uma queda significativa de usuários no sistema de transporte coletivo de São Luís, com a consequente diminuição de arrecadação.

A decisão determinou que o Município de São Luís se abstivesse da exigência da renovação da frota, permitindo a operação de ônibus fabricados em 2010 e 2011, incluindo os veículos que já sofreram baixa e exclusão do sistema, enquanto perdurar o estado de emergência, referente à pandemia, de que trata a Lei nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020.

O sindicato apontou que a utilização de veículos climatizados aumenta, aproximadamente, em R$ 50 mil o custo de cada veículo a ser inserido no sistema de transporte.

Contra a decisão, a Prefeitura de São Luís recorreu, interpondo agravo de instrumento, cujo efeito suspensivo à liminar foi concedido pelo Tribunal de Justiça do Maranhão.

O Município sustentou a aplicação do princípio da vinculação ao edital e inalterabilidade das cláusulas dos contratos administrativos; a inexistência de desequilíbrio econômico-financeiro do contrato e o dever de prestação do serviço adequado. Por sua vez, o sindicato ofereceu réplica à contestação.

Fonte: Gilberto Léda

Especialista alerta sobre o risco do fechamento de barreiras zoofitossanitárias no Maranhão

José Arnodson Coelho de Sousa Campelo, Professor Doutor da Escola de Medicina Veterinária da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), alerta sobre o perigo do fechamento das barreiras zoofitossanitárias em todo o estado maranhense.


Através de um vídeo (veja no final da matéria) postado em uma das suas redes sociais o educador explica tecnicamente que, com a desativação das barreiras, o estado fica vulnerável à entrada de doenças ou pragas, até então aqui inexistentes, mas que podem ser trazidas de outras regiões do país.

Segundo maior produtor de carne do nordeste e o quinto do país, o Maranhão não pode arriscar-se a perder a chancela de ser um dos estados brasileiros onde não há a Aftosa (doença infecciosa aguda que causa febre, seguida pelo aparecimento de vesículas (aftas) – principalmente na boca e nos pés de animais de casco fendido).

Maranhão é o segundo maior produtor de carne do nordeste e o quinto do país: não pode correr o risco de sofrer boicotes econômicos pela falta de barreiras sanitárias.

Estado sem registro de Febre Aftosa: perder essa chancela seria desastroso.

Arnodson defende, pelo bem da saúde pública, que as barreiras sejam mantidas e passem por um processo de melhorias estruturais, em vez de serem utilizadas como instrumentos político-partidários. “Nós, como técnicos, defendemos a permanência das barreiras e sugerimos que sejam reestruturadas, reavaliadas; para que possam efetivamente desenvolverem suas atividades“, afirmou o Professor Doutor.

Fiscalização Zoofitossanitária: barreiras não pode ser desativadas. Precisam ser reestruturadas e reavaliadas.

Fonte: Blog Capitão Galvão Timon

27 setembro 2021

Setembro Verde: Dr. Gutemberg lembra a importância de ser um doador de órgãos


“Se declarar um doador de órgãos é um dos gestos mais nobres que um ser humano pode ter”, afirma o vice-presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Dr. Gutemberg. A Campanha ‘Setembro Verde’, que intensifica a doação de órgãos e tecidos em todo o país, também foi instituída no calendário municipal por Lei 6.187/2017, de autoria do médico e vereador Dr. Gutemberg Araújo.

Um levantamento da Associação Brasileira Transplante de Órgãos revela que o número de doadores caiu 26% em 2021, devido à pandemia. Muitas vezes, o transplante de órgãos é a única esperança de vida de um paciente, podendo representar um recomeço de vida.

No Maranhão, mais de 600 pacientes aguardam na lista de espera para a realização de transplantes de órgãos. Mas a falta de conhecimento para o procedimento de doação aumenta a lista de espera.

“A única maneira de quebrar ‘tabu’ é com informação. São feitos vários testes que correspondem a todo um protocolo para definir a morte encefálica da pessoa, que está na UTI com o cérebro morto, mas o coração batendo. Entendo que para a família é difícil aceitar a morte. Mas o coração desse familiar querido, que teve morte encefálica, pode dar vida a outra pessoa. Eu sou doador de órgãos e entendo que o ato de doar é um ato de amor e de solidariedade”, esclarece Dr. Gutemberg.

Dr. Gutemberg também criou a Lei nº 325/ 2013, que dispõe sobre a obrigatoriedade da divulgação de materiais impressos nos hospitais, prontos socorros e clínicas médicas, estimulando a doação de órgãos, tecidos e partes do corpo humano para transplantes, informando os procedimentos legais para a realização da doação e o número de telefone, site, e-mail da Central de Transplantes do Estado do Maranhão.

“No Brasil, para ser doador de órgãos é preciso conversar com a sua família e manifestar o seu desejo de doar. Doadores vivos podem realizar a doação de rim, parte do fígado e da medula óssea. No Maranhão temos a Central de Transplantes, no Hospital Carlos Macieira. Os contatos são: 3268-6960/ 98424-6434”, completa o vereador.

Fonte: Diego Emir

Mas não era Flávio Dino que tinha uma aprovação de quase 70% no Maranhão?


Então, como que agora o tal  Instituto Datatempo aponta que Flávio Dino só tem 51,2% de aprovação no Maranhão?

Êpa… êpa… êpa!!! isso vem apontar, caso a pesquisa esteja correta, que o atual governador vem descendo ladeira abaixo e sua eleição ao Senado não é tão precisa como seus cupinchas acham.

Também, vale lembrar que com esse derretimento, seu apoio ao seu sucessor não traz muitas perspectivas de vitória…

Também, pudera, foram quase oito anos de muita enganação, cujos resultados são pífios em todas as áreas de atuação de sua gestão… O número de miseráveis aumentou assustadoramente, o desemprego é galopante, O IDH uma desgraceira só, per-capita no chão e o PIB uma tristeza.

Portanto, o que esse blog disse na matéria “A única vaga ao Senado está garantida a Flávio Dino?“, tem muito fundamento…

Logo que Dino coloque sua barba de molho!!!

Fonte: Caio Hostilio

Acusado de matar publicitário Diogo Costa Campos será julgado nessa quarta-feira (29)


Ocorre nesta quarta-feira (29), no Fórum Des. Sarney Costa, o julgamento de Raimundo Claúdio Diniz, conhecido como Vando ou Louro, acusado de matar o publicitário Diogo Adriano Costa Campos, no dia 16 de junho de 2020, por volta das 11h30, na Lagoa da Jansen, no bairro Ponta d’Areia.

A sessão começa às 8h30 e será presidida pelo juiz titular da 4ª Vara do Tribunal do Júri, José Ribamar Goulart Heluy Júnior. O acusado continua preso por esse crime. Ele também já foi julgado e condenado a 12 anos e 6 meses de reclusão, em junho de 2021, por roubo e receptação do carro que o réu usava no dia do assassinato do publicitário. Raimundo Cláudio Diniz foi denunciado pelo Ministério Público pela suposta prática do crime de homicídio qualificado por motivo fútil e mediante recurso que reduziu a possibilidade de defesa da vítima.

De acordo com a denúncia, o acusado matou o publicitário com um disparo de arma de fogo. Conforme depoimento de uma testemunha que conhece o réu há mais de 10 anos, ele trabalhava como técnico radiologista e depois como motorista. Consta na sentença de pronúncia que o interrogatório do acusado perante o juiz não fora realizado porque ele se reservou a fazer uso ao direito de permanecer em silêncio, mas que ele já havia, perante as autoridades policiais, confessado a prática do crime. Na Delegacia de Polícia o interrogado disse que estava dirigindo e outros dois homens conhecidos como Gordo e Koreano estavam no banco de trás; que ao trafegar por uma rua próximo à Lagoa da Jansen observou um automóvel branco saindo de uma vez da garagem de um prédio e que o acusado desviou o veículo que conduzia, para não bater e continuou seguindo e quando já estava para entrar na avenida da Lagoa foi trancado pelo carro da vítima. Disse, ainda, que ao ser ofendido pelo publicitário pegou o revólver calibre 38, que estava com Gordo, e efetuou um disparo contra a vítima, retirando-se do retirou do local e segui para o apartamento onde morava.

Na decisão de pronúncia, do dia 26 de maio de 2021, o juiz José Ribamar Goulart Heluy Júnior, negou a acusado o benefício de aguardar o julgamento em liberdade por estarem presentes os requisitos autorizadores da prisão cautelar dele, para garantia da ordem pública, “tendo em vista a provável reiteração delitiva, pois, a prática deste crime culminou de uma sequência de práticas delituosas”, consta na sentença.

Além disso, em pesquisa ao sistema de consulta processual do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) consta outra ação penal, na 2ª Vara Criminal de São Luís (processo nº 6365-19.2020.8.10.0001), contra Raimundo Cláudio Diniz, pelos crimes de receptação e roubo, praticados, por volta das 15h30 do dia 13 de junho de 2020, contra um motorista de aplicativo, na Avenida Litorânea (Calhau). Ele já foi julgado e condenado a 12 anos e 6 meses de reclusão por esses crimes Consta nesse processo da 2ª Vara Criminal que o acusado e o seu comparsa conhecido como Koreano assaltaram o motorista de aplicativo e levaram o carro e um aparelho celular. Com o veículo roubado (Fiat Argo vermelho), eles iriam praticar outros assaltos, quando ocorreu a discussão de trânsito, na Lagoa da Jansen, com o publicitário Diogo Adriano Costa Campos, tendo Raimundo Cláudio Diniz efetuado um disparo de revólver calibre 38, matando o publicitário. Segundo consta nos autos, o réu teria vendido, no interior do estado, o automóvel usado no assassinato.

Fonte: Daniel Matos

26 setembro 2021

Neste domingo (26) Casarão Colonial terá programação especial


Para encerrar o último domingo de setembro o Casarão Colonial, o melhor ambiente para eventos do Centro Histórico de São Luís conta uma programação especial.

Considerada a Casa do Samba da ilha, o local já virou tradição e referência com o melhor da música com grupos que levam a animação para todos os visitantes.

O proprietário Ricardo Fernandes mais conhecido como Ricardo Pororoca escolheu uma line up de peso. Vão ser 7h de festa com Dj Arsênio Filho, Ivan Marques, Anastácia Lia, Os Parças, Flávio Marca, Grupo CDC, Fabricia e Anderson Mendonça.


O Casarão Colonial fica na rua Afonso Pena, você pode acompanhar as programações no Instagram @casaraocolonialslz e ter mais informações pelo número (98) 98513-3449.

Prefeitura atua na Lagoa da Jansen com pavimentação e limpeza


Lançado em agosto deste ano pelo prefeito Eduardo Braide, o programa Asfalto Novo tem levado pavimento de qualidade e melhorado a mobilidade urbana em diversas regiões de São Luís. Neste sábado (25), os serviços chegaram aos bairros da área da Lagoa da Jansen, onde os moradores finalmente estão vendo uma demanda antiga ser resolvida. Os trabalhos foram acompanhados de perto pelo prefeito Eduardo Braide.

“Hoje estamos chegando com o programa Asfalto Novo a mais uma região de São Luís. Desta vez, são os bairros do entorno da Lagoa da Jansen que estão tendo suas ruas melhoradas por meio dos nossos serviços. Vias que estavam com o pavimento danificado ou mesmo que nunca haviam sido asfaltadas adequadamente, agora terão asfalto novo e de qualidade, para dar mais qualidade de vida a quem mora na área e melhorar as condições de tráfego para motoristas e pedestres. Vamos seguindo assim, trabalho por São Luís, para fazer da nossa cidade um lugar cada vez melhor de se viver”, destacou o prefeito Eduardo Braide.

Na região da Lagoa da Jansen, a Prefeitura de São Luís, por meio do programa Asfalto Novo, executado pela Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), serão implantados cerca de 2 quilômetros de asfalto novo, além de rede de drenagem superficial da água das chuvas (sarjeta e meio-fio), acabando com problemas antigos que causam transtornos a quem mora ou precisa trafegar pelo entorno.

Acompanharam o prefeito Eduardo Braide à vistoria das obras, os vereadores Gutemberg Araújo (PSC), 1º vice-presidente da Câmara Municipal; e Marcos Castro (PMN).

Serviços


Os serviços foram iniciados pela Rua São José, no bairro Ponta do Farol. A via recebeu novo pavimento, melhorando as condições de trafegabilidade já que a antiga cobertura asfáltica estava danificada.

Já na rua e travessa Frei Antônio, na Ponta d’Areia, está sendo feito primeiro a terraplenagem para corrigir o nivelamento das vias. Para isso, está sendo implantada uma camada de pedra brita para em seguida fazer a imprimação e a etapa final que é a colocação do asfalto. Desta forma, será possível garantir a qualidade, resistência e durabilidade do novo pavimento.

“Seguindo determinação do prefeito Eduardo Braide, estamos levando o programa Asfalto Novo para diversas regiões da cidade onde moradores e motoristas enfrentam problemas para transitar por causa da má-condição ou da falta de pavimento. São Luís está recebendo asfalto de alta qualidade, atendendo a todas as normas e parâmetros necessários para ter uma longa durabilidade”, afirmou o titular da Semosp, David Col Debella.

Satisfação da população

A chegada das obras à localidade é motivo de satisfação para os moradores. Reginaldo Araújo disse que finalmente vai ter tranquilidade. “A poeira aqui é demais. Atrapalha muito a gente. Agora, finalmente, vamos ter esse problema resolvido. Agradeço ao prefeito Eduardo Braide por olhar para a gente e atender esta demanda, que é antiga”, comentou.

O prefeito Eduardo Braide caminhou, ainda, por outras ruas da região que também receberão os serviços do programa Asfalto Novo, como a Travessa Coronel Amorim e a Rua Nascimento de Morais Filho.

O programa Asfalto Novo foi lançado dia 14 de agosto no bairro Vila Nova República, Zona Rural de São Luís e já beneficiou moradores do Maracanã, Vila Maranhão, entre outros bairros da região.

Fonte: Gilberto Léda

Tragédia humana: Em 5 anos, Flávio Dino arrastou 400 mil maranhenses para a miséria

Mais recente pesquisa do IBGE revela que de 2015 a 2019 um a cada cinco habitantes do estado passou a viver em situação de extrema pobreza


Ano após ano, as estatísticas oficiais vêm escancarando a pobreza extrema para a qual centenas de milhares de maranhenses estão sendo arrastados desde que o ex-comunista e agora socialista Flávio Dino assumiu o poder, em 1º de janeiro de 2015. A mais recente parcial da miséria, divulgada nessa sexta-feira (24) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), aponta que 400 mil pessoas no estado passaram a sobreviver em situação de quase indigência nos cinco primeiros anos do atual governo.

Os números indicam uma verdadeira tragédia humana, só comparada à calamidade vista em países africanos onde a população é massacrada por regimes ditatoriais. A propósito, muitas dessas nações gozam de simpatia e até mesmo contam com apoio político de líderes da esquerda brasileira admirados por Flávio Dino. Que o diga o ex-presidente e ex-presidiário Luiz Inácio Lula da Silva, de quem o governador do Maranhão é fã de carteirinha assumido.

Uma breve análise dos números divulgados pelo IBGE fornecem a ideia precisa do estrago feito pelo modo Flávio Dino de governar na vida dos cidadãos mais humildes no Maranhão. Se no seu primeiro ano de gestão havia 1.046.000 (um milhão e quarenta e seis mil) miseráveis, em 2019, a quantidade de pessoas nessa condição tão vulnerável aumentou para 1.438.000 (um milhão, quatrocentos e trinta e oito mil). Isso quer dizer que a cada ano, algo em torno de 80 mil pessoas foram rebaixadas ao nível mais baixo da pirâmide social. Veja a planilha abaixo:

A faixa de extrema pobreza é aquela em que as pessoas têm renda domiciliar per capita inferior a US$ 1,90 (um dólar e noventa centavos). Enquanto o contingente de miseráveis só aumenta no estado, Flávio Dino mantêm sua política tributária exorbitante, com aumentos sucessivos de impostos, pagos pela população em geral, desde o mais próspero empresário ao cidadão mais desprovido financeiramente.

Como a pobreza extrema é um fenômeno crescente no Maranhão de hoje e a voracidade de Flávio Dino em arrecadar é implacável, não é exagero afirmar que o governador também tem lucrado com a miséria alheia.

Fonte: Daniel Matos

25 setembro 2021

Pacientes e acompanhantes denunciam descaso no hospital São Domingos

A suspensão de medicação e o repetitivo barulho na reforma de ampliação estão entre as muitas denúncias


Na atualidade, as redes sociais têm sido uma importante ferramenta usada pelo cidadão, na qualidade de consumidor, para denunciar às autoridades competentes lesões à direitos assegurados por lei. Ao longo da semana, familiares usaram a internet, entre eles, o advogado Tufi Maluf Saad, marido da paciente Ana Lúcia Sousa Saad, para tornar público o descaso dentro do São Domingos, um dos de maiores hospitais privados do Maranhão.

O causídico postou vários vídeos no Facebook evidenciando os infortúnios dentro da unidade de saúde. O casal estava até quarta-feira(23), no apartamento 340, mas a paciente foi transferida para o 444 após reclamar do barulho durante a madrugada, provocado pela reforma de ampliação, último dos muitos dessabores ali registrados.

“Estamos aqui prestes a um colapso nervoso. Minha esposa só chora. Além da tentativa de suspensão de uma medicação prescrita para duas vezes ao dia, desde que internou, a péssima qualidade da comida, pois frango foi servido na grande maioria dos mais de 30 dias que aqui estamos, o derradeiro dos muitos problemas foi exatamente provocado pela zoada oriunda da reforma de ampliação que acordou todos os pacientes do mesmo corredor onde estávamos. Isso é de uma irresponsabilidade e falta de sensibilidade absurda. Acredito que o correto seria isolar a área. Aqui somos seres humanos que estamos pagando caro e não animais”, disse Tufi.


NEGOCIAÇÃO

Fundado em 1989 pelo médico Hélio Mendes da Silva e a assistente social Maria Antônia da Silva, em
março de 2021, em uma negociação intermediada pela XP, a rede de laboratórios de análises clínicas Dasa, maior em medicina diagnóstica da América Latina e a quarta do mundo, comprou o São Domingos, referência em São Luís (MA), por cerca de R$ 2 bilhões.

Na época, segundo a diretoria do hospital, a fusão com a Dasa teve como objetivo potencializar o que o Grupo São Domingos “tinha de melhor”, os avanços em qualidade, segurança, inovação e tecnologia; além de poder dar velocidade a seus investimentos, sobretudo no que se refere à expansão. Caso queira, a palavra fica franqueada a unidade de saúde para que se pronuncie sobre o assunto.

24 setembro 2021

Prefeitura de São Luís registra aumento de visitantes no Museu da Gastronomia Maranhense


O Museu da Gastronomia Maranhense, equipamento da Prefeitura de São Luís, registrou, no mês de agosto, um crescimento de 53,45% no número de visitantes em comparação ao mesmo mês no ano de 2019. Em 2020, por conta da pandemia, o museu estava fechado à visitação. Localizado em um sobrado de três pavimentos totalmente restaurado no Centro Histórico da cidade, o espaço recebe, cada vez mais, um grande fluxo de turistas e maranhenses interessados em conhecer mais sobre a gastronomia. 

“O Museu da Gastronomia Maranhense, equipamento da Prefeitura de São Luís, recebe sempre atualizações de acervo, eventos e novos recursos que agregam à experiência do visitante. No mês de outubro, por exemplo, vamos lançar uma programação que vai encantar o público infantil, algo temático para o dia das crianças”, adianta o secretário municipal de Turismo, Saulo Santos. 


O Museu pertence à Secretaria Municipal de Turismo (Setur), que faz o registro do visitante, e, dessa maneira, consegue analisar o perfil de quem frequenta o local. Em agosto de 2019, foram registradas 1.286 visitas. Já em agosto deste ano, 2.012 pessoas conheceram a gastronomia maranhense por meio de visitas conduzidas por guias de turismo. 

As redes sociais foram o meio mais apontado pelos visitantes como forma de divulgação do museu, totalizando 21% das respostas. Anteriormente, o maior percentual era o de passantes pela região. O Museu possui perfil no Instagram (@museudagastronomiamaranhense), onde são compartilhados conteúdos e programações dos eventos. 


Vale ressaltar que esse crescimento foi obtido mesmo com o fechamento do Museu no dia 24 de agosto para reforma, sendo reinaugurado no dia 6 de setembro. A obra incluiu reparos internos e também na fachada, além da manutenção do prédio para conservação do espaço público para mantê-lo funcionando com excelência. 

Perfil do visitante

O perfil predominante até o mês de julho era do público masculino; e no mês de agosto o perfil passou a ser o do sexo feminino. A faixa etária de visitantes permaneceu a mesma do mês de julho, de 31 a 45 anos. Sobre o atendimento, 100% das pessoas avaliaram como bom ou excelente. 

Os maranhenses foram os que mais visitaram o espaço (33%), seguidos dos paulistas (19%) e cariocas (9%). Também foram registrados visitantes da França, Portugal e Alemanha. 

O Museu da Gastronomia Maranhense é o único equipamento turístico no âmbito de museus do Estado que funciona todos os dias, de 8h às 18h, e disponibiliza aos visitantes atendimento em português, inglês e francês. Além disso, há a possibilidade de visitação feita com um audioguia e em Libras, no Spotify, Google Podcasts e no YouTube.


Fonte: Prefeitura de São Luís

Osmar Filho propõe dispensa de revista em portas magnéticas para portadores de marcapassos ou aparelhos similares

O objetivo é evitar constrangimentos e garantir a livre circulação das pessoas que fazem uso desses aparelhos


O Projeto de Lei nº 228/21, de autoria do presidente da Câmara de São Luís, vereador Osmar Filho (PDT), quer facilitar o acesso de pessoas portadoras de marcapasso cardíaco artificial ou aparelhos similares a ambientes com portas magnéticas, por meio da dispensa de revista. O objetivo é evitar constrangimentos e garantir a livre circulação das pessoas que fazem uso desses aparelhos.

De acordo com a proposta, caso o projeto seja aprovado, os estabelecimentos, comerciais ou não, que façam uso de portas magnéticas ou dispositivos de segurança semelhantes, passarão a ser obrigados a fixar avisos de advertência ao público sobre o disposto na lei, além de informações acerca da nocividade de campos magnéticos sobre os marcapassos cardíacos artificiais ou similares.

Assim, os usuários de marcapasso ou aparelhos semelhantes poderão acessar os estabelecimentos por meio de porta paralela, desde que apresentem documento comprobatório da situação, emitido pelo local de colocação do aparelho.

Para Osmar Filho, a lei parte de uma necessidade de garantir a integridade de pessoas portadoras de marcapasso ou aparelhos similares, que costumeiramente sofrem com constrangimento ao passarem por dispositivos de segurança.

“Com esse projeto, visamos justamente evitar esses constrangimentos e garantir o acesso livre dessas pessoas, até porque, de certa forma, correm riscos ao passar por esses dispositivos, tendo em vista as ondas eletromagnéticas liberadas por eles, que podem causar danos aos aparelhos”, explica.

O projeto foi encaminhado às comissões de Justiça e Saúde e segue em tramitação.

Fonte: Câmara Municipal de São Luís

Lucio Silva, Jornalista de Primeira Cruz – MA é indicado à 20ª Edição do Troféu Lençóis de Areia

O jornalista e relações públicas Lucio Silva, da cidade de Primeira Cruz – MA, foi indicado à 20ª Edição do Troféu Lençóis de Areia, que ocorrerá durante a solenidade “Noite das Personalidades”, na Pousada Orla Náutica, de propriedade da atriz Glória Pires, em Barreirinhas-MA. A indicação se dá pelos relevantes serviços prestados à sua cidade natal. Atualmente, Lucio Silva atua no jornalismo regional, rompendo barreiras para o desenvolvimento do jornalismo local. Atua também como repórter fotográfico e gestor de redes sociais no Instagram Primeira Cruz Informa.


Lucio Silva é graduado pela Universidade Federal do Maranhão. Coordenador de Mídias Digitais da Agência de Inovação, Empreendedorismo, Pesquisa, Pós-graduação e Internacionalização da UFMA (AGEUFMA). Diretor do Diretório Central de Estudantes do Campus São Luís – gestão 2016-2021. Proprietário da Agência de Notícias LSJ Notícias; do blog www.luciosilva.blog.br e do Instagram @Primeira_Cruz_Informa. Atua na prestação de jornalismo regional na sua cidade natal, Primeira Cruz – MA, com foco em poder, política, turismo, cultura e sociedade.

O prêmio é organizado pelo renomado promoter e colunista social Fred Kennedy, proveniente da cidade de Morros. O ilustríssimo tem se dedicado durante 20 anos à prestação de homenagens a diversas personalidades relevantes na sociedade maranhense.
Tradicionalmente, o evento escolhe políticos, empresários e profissionais da imprensa que recebem reconhecimento e valorização profissional por sua atuação, seja nas esferas públicas, privadas ou liberais.

Um dos principais objetivos do evento é dar destaque para personalidades de diferentes áreas de atuação. Em sua 20° edição, o Troféu Lençóis de Areia acontecerá dia 11 de dezembro de 2021 na Cidade de Barreirinhas.

Fonte: Blog Ilha Rebelde

23 setembro 2021

CoronaVac começa a ser negociada com os estados brasileiros

O Governo de São Paulo anunciou que, depois de cumprir dois contratos que previam a entrega de 100 milhões de doses da CoronaVac ao Ministério da Saúde, o Instituto Butantan passou agora a negociar doses desse imunizante diretamente com os estados brasileiros.

No entanto, até o momento apenas cinco estados brasileiros já firmaram acordo, são eles: Ceará, Piauí, Mato Grosso, Espírito Santos e Pará.

A maior parte da entrega desta quinta-feira (23) será destinada ao Pará, que ficará com 1 milhão de doses. Espírito Santo e Mato Grosso receberão 500 mil vacinas. O Ceará ficará com 300 mil doses e o Piauí, 200 mil.

O Maranhão não se habilitou para adquirir a vacina, pois a CoronaVac não tem liberação da Anvisa para ser aplicada em adolescentes nem é recomendada como dose de reforço para idosos.

Ou seja, neste momento, para os maranhenses só seriam uteis as vacinas da Pfizer e AstraZeneca, já que ambas podem ser utilizadas como dose de reforço nos idosos e a Pfizer autorizada para a imunização dos adolescentes na faixa etária de 12 a 17 anos.

A notícia é muito boa, pena que não ajudará a acelerar ainda mais a imunização dos maranhenses.

Fonte: Blog do Jorge Aragão

Equatorial Maranhão desfaz fake news sobre conta de energia


A Equatorial Maranhão emitiu nesta quinta-feira, 23, uma nota oficial para desmentir um boato que circula em grupos de WhatsApp dando conta de que criminosos estariam clonando as contas de energia da companhia para tirar dinheiro de ocnsumidores.

Segundo o áudio que circula na rede social, uma mulher teria identificado a fraude após perceber que a conta entregue em sua residência possui um QR Code e opção de pagamento por PIX.

A Equatorial Maranhão esclareceu, contudo, que recentemente alterou alguns aspectos visuais da conta e a disposição de algumas informações.

“A conta agora vem com um QR CODE para quem deseja utilizar o PIX como forma de pagamento. O PIX Equatorial é uma nova modalidade que oferece mais praticidade, conforto e comodidade aos clientes. Essas mudanças começaram a ser percebidas pelos clientes desde esta semana em todo o estado”, destacou o comunicado.

Fonte: Gilberto Léda

21 setembro 2021

Prefeito Eduardo Braide vistoria construção de Skate Park em São Luís


O prefeito Eduardo Braide vistoriou, na tarde desta segunda-feira (20), as obras de construção do Skate Park, próximo ao Parque do Bom Menino, no Centro de São Luís. Os serviços estão sendo coordenados pela Secretaria Municipal de Inovação, Sustentabilidade e Projetos Especiais (Semispe) e atendem a uma demanda antiga dos praticantes de skate da cidade, que vêm sendo ouvidos desde o início da obra, a fim de que o projeto seja executado em conformidade às necessidades demandadas. 

"São Luís vai ganhar um skate park do jeito que os praticantes de skate da cidade merecem. O espaço está considerando, nesta etapa da obra, todas as sugestões dos praticantes de skate, com quem temos dialogado desde o início. Nosso objetivo é entregar um equipamento de qualidade para todos aqueles que, durante muito tempo, esperam uma pista de qualidade para fazer aquilo que tanto amam", disse o prefeito Eduardo Braide. 


O Skate Park está localizado na Rua Deputado Raimundo Vieira da Silva e tem área total de 648 m². Vai contar com uma estrutura de recreação completa, com área para descanso e convivência entre os praticantes. Já a pista de skate mede 306 m² e vai ser a primeira da cidade no formato em que está sendo construída. 

"A obra é fruto de muito diálogo com os skatistas que vieram aqui [no canteiro de obras], participaram, deram opiniões, fizeram ajustes técnicos e, agora, sim, teremos um espaço de primeira", destacou a titular da Semispe, Verônica P. Pires, lembrando a importância do diálogo desde o projeto até o início da execução das obras. 

Nesta etapa, os operários estão construindo o muro de contenção para que, posteriormente, possa ser realizada a concretagem de todo o fundo da pista, em forma de bowl (bacia), inspirada em piscinas de bordas arredondadas. Simultaneamente à elevação das paredes, também está sendo realizada a implantação do coping, espécie de tubo de ferro que contorna toda a pista - essencial para a execução das manobras mais radicais. 

"A construção dessa pista é um avanço muito grande para o skate maranhense, porque é a primeira pista onde está havendo o acompanhamento dos skatistas, desde a elaboração do projeto até aqui. Nas outras pistas construídas não houve esse diálogo, o que acabou em projetos mal executados, em estrutura que não serve para fazer manobra. Já essa aqui eu tenho certeza que vai sair perfeita, conforme a necessidade dos skatistas", disse o membro fundador da Federação Maranhense de Skate, Jonas Pires.


Fonte: Prefeitura de São Luís

PF apreende madeira clandestina no Maranhão


São Luís/MA – Caxias-MA – Nesta segunda-feira (20/9) equipe de policias federais se encontrava na localidade de Alto São Francisco, no município de São João do Soter, realizando diligências no sentido de apurar o cometimento de crimes contra o meio ambiente, quando conseguiram flagrar um caminhão sendo carregado com toras de madeira da espécie Candeia.

O responsável pelo caminhão afirmou que não possuía documento de origem florestal que respaldasse a ação, razão pela qual foi dada voz de prisão e conduzido até a Delegacia, juntamente do veículo já carregado com cerca de 12m³ de madeira.

Foi lavrado o devido Termo Circunstanciado e o motorista do veículo foi enquadrado no art. 46 da lei de crimes ambientais por transporte de madeira sem a documentação legal. O material apreendido, encaminhado para Secretaria do Meio Ambiente, para adoção dos procedimentos administrativos.

Fonte: Daniel Matos

“E agora Flávio Dino?” Deputado Wellington pressiona para o governador baixar os impostos no MA

O governador do Rio Grande do Sul reduziu o ICMS para diminuir o preço dos combustíveis no estado. Reduzindo a alíquota do ICMS dos combustíveis e da energia elétrica de 30% para 25%, contrariando os governadores dos outros estados. No mesmo caminho o governador do DF reduziu o ICMS da gasolina de 28% para 25%.


Enquanto isso, aqui no Maranhão o governador insiste em reajustar o preço de referência. Só em 2021, já arrecadou R$ 1,8 bilhão só com o imposto dos combustíveis.

“Flávio Dino prefere ficar em rede social apontado culpados, mas esquece que também tem sua parcela de culpa no preço alto dos combustíveis, já que aqui no Maranhão temos a 4ª maior alíquota do imposto no país.
Sigo na luta para diminuir o preço dos combustíveis no Maranhao. E desafio o governador Flávio Dino a reduzir, baixar, diminuir a alíquota do ICMS dos combustíveis e da energia elétrica. Faça com os governadores do RS e do DF: BAIXE O IMPOSTOS MO MARANHAO! E agora, Flávio Dino?”, desafia deputado Wellington.

20 setembro 2021

‘Não há preocupação’, dizem Bombeiros sobre ‘tsunami’ em SLZ


O Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão emitiu no fim de semana uma nota descartando qualquer tipo de preocupação quanto à possibilidade de ocorrência de um tsunami em São Luís, como decorrência da erupção do vulcão Cumbre Vieja, nas Ilhas Canárias, arquipélago espanhol localizado na costa da África.

Segundo o comunicado da Defesa Civil Estadual, as possibilidades de um desastre do tipo na costa maranhense “são muito baixas”.

“Especialistas da rede Sismográfica Brasileira (RSBR) apontam que as chances disso [tsunami] acontecer são muito baixas. De acordo com o órgão, somente uma atividade vulcânica excepcional poderia provocar um tsunami com a capacidade de atingir o Brasil”, diz a nota.

Que completa: “O Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis/UFRN) também se manifestou sobre o assunto informando que a atividade vulcânica na região das Canárias é comum e monitorada, sendo pequena a possibilidade de uma eventual erupção do vulcão La Cumbre provocar um tsunami que afete o litoral brasileiro”.

O vulcão entrou em erupção no domingo, 19.

Fonte: Gilberto Léda

Ao citar exemplo de RS e DF e provar que é possível diminuir ICMS dos combustíveis, Wellington afirma que só depende da vontade de Flávio Dino

Nesta segunda-feira (20), o deputado estadual Wellington do Curso encaminhou proposição ao governador Flávio Dino solicitando a redução da alíquota do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) no Estado. A solicitação ocorreu após governadores dos estados Rio Grande do Sul e Distrito Federal reajustarem a alíquota do imposto para atenuar o impacto nos bolsos dos consumidores.


Ao justificar a solicitação, o deputado Wellington citou que, no Rio Grande do Sul, o governador anunciou a redução de 30% para 25% na categoria dos combustíveis e energia elétrica, algo plenamente possível de ser aplicado no Maranhão.

“ O Maranhão é o detentor da quarta maior alíquota do ICMS . Ao total, incide 30,5% (alíquota + FUMACOP) no preço final dos combustíveis. Atualmente, isso tem feito a diferença no bolso dos maranhenses. Como consequência, só em 2021, o Estado já arrecadou R$1,8 bilhão somente com o imposto dos combustíveis. Isso representa um aumento de 34% se comparado ao ano passado. Governadores de outros estados, como Rio Grande do Sul e Distrito Federal, reduziram as alíquotas do imposto exatamente para diminuir o impacto na vida das pessoas. Aqui no Maranhão, só depende da vontade de Flávio Dino. Por isso, em nome dos maranhenses, requeiro ao governador que reduza a alíquota do ICMS e, assim, faça a diferença na vida das pessoas”, afirmou o deputado Wellington.

No Distrito Federal, o governador também reduziu a alíquota do imposto que incide no preço dos combustíveis, que passou de 28% para 25%.

Quinta-feira (23), UFMA promoverá palestra sobre a Zona de Exportação no Maranhão


A Universidade Federal do Maranhão, por meio da Agência de Inovação, Empreendedorismo, Pesquisa, Pós-Graduação e Internacionalização (Ageufma) e do Diretório Central dos Estudantes (DCE), realizará na quinta-feira, 23, às 18h, no canal da UFMA no YouTube, a palestra intitulada “Zona de Exportação no Maranhão: conceito, características e potencialidades”, ministrada pelo Senador e administrador de empresas, Roberto Rocha.

De autoria do Senador, a Zona de Exportação no Maranhão (ZEMA) é um Projeto de Lei de incentivo econômico para a promoção do desenvolvimento regional e nacional, a partir da localização geográfica do Complexo Portuário do Itaqui, na ilha de São Luís. O projeto integra o Plano de Logística Sustentável (PLS) 319/2015, o qual estabelece uma área de livre comércio com o exterior na Ilha de Upaon-Açu, que abriga a capital, São Luís, e cidades da zona metropolitana, como São José de Ribamar.

Pelo projeto, as empresas que se instalarem na Zema terão isenção de impostos e contribuições incidentes sobre a importação ou sobre aquisições de insumos no mercado interno, para que possam produzir ou prestar serviços destinados à exportação. Somente as empresas enquadradas na seção “indústrias de transformação” da Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE) poderão usufruir dos incentivos fiscais.

As empresas que se instalam nessas áreas têm acesso a tratamentos tributários, cambiais e administrativos especiais. Assim, a Zema deverá ter, por exemplo, menos burocracia no controle aduaneiro e dispensa da exigência de percentual mínimo de receita bruta relacionada à exportação de bens e serviços.

A Ilha de São Luís apresenta características geográficas que permite constituir uma área de livre comércio, especialmente pelas condições logísticas que favorecem a entrada de insumos e o escoamento da produção para o exterior pelo Porto de Itaqui.

Fonte: DCom, com informações da Agência Senado

19 setembro 2021

Prefeitura divulga São Luís durante maior evento virtual de Agronegócio da Amazônia


A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Turismo (Setur), participou do Conecta Sebrae – Agrolab Amazônia, evento que reúne empresários e interessados no setor de agronegócios. O destino São Luís esteve presente durante os três dias da feira e participou de reuniões e apresentações de promoção da cidade. 

O evento ocorreu entre os dias 14 e 17 de setembro e contou com palestras, apresentações e reuniões sobre empreendedorismo, meio ambiente e turismo voltado para a região amazônica. 

“A Prefeitura disponibilizou material promocional, vídeos e fotos sobre São Luís. No Agrolab Amazônia, destacamos as possibilidades turísticas locais, da gastronomia que possui elementos únicos, as praias e o centro histórico, Patrimônio Mundial reconhecido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco)”, contou o secretário municipal de turismo, Saulo Santos. 

O Conecta Sebrae Agrolab Amazônia é uma plataforma on-line, com inscrições gratuitas, onde o participante assume um avatar ao fazer login no evento, e assim pode navegar pelos ambientes virtuais criados, podendo assistir palestras, participar de rodadas de negócios, fazer networking e visitar estandes virtuais.

Fonte: Prefeitura de São Luís

Prefeito Eduardo Braide entrega títulos de propriedade de terra aos moradores da comunidade São Joaquim de Itapera, Zona Rural de São Luís


O prefeito Eduardo Braide entregou, neste sábado (18), a Certidão de Regularização Fundiária (CRF) à comunidade São Joaquim de Itapera, localizada na Zona Rural de São Luís. O título de posse da terra é um benefício essencial para o desenvolvimento social e o direito à moradia, assegurado a todos os cidadãos brasileiros pela Constituição Federal. O mecanismo também representa o sonho de 62 famílias da localidade que vinham buscando, há anos, meios para legalizar suas habitações. 

“A entrega desses títulos de posse é a realização do sonho da terra própria. O documento de regularização está sendo entregue a pequenos produtores, pessoas que há muitos anos aguardavam por esse momento. A partir de agora, 62 famílias possuem em definitivo o título de seus lotes, trabalho que vamos levar para toda a cidade de São Luís, de forma que possamos solucionar muitas outras demandas existentes nesse sentido, tudo para promover mais dignidade e desenvolvimento social”, destacou o prefeito Eduardo durante a entrega das CRF’s aos moradores. 


A entrega dos títulos de propriedade de terra é resultado de um Termo de Cooperação Técnica entre a Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Urbanismo e Habitação (Semurh), o Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ-MA) e a Procuradoria-Geral de Justiça (PGJ) que, juntos, desenvolveram os procedimentos técnicos para mapeamento das áreas, como o levantamento topográfico e memorial descritivo da comunidade. No total, 62 imóveis foram catalogados e, a partir de agora, contam com o registro que garante às famílias o título de posse dos lotes. 

O secretário municipal de Urbanismo e Habitação, Bruno Costa, lembrou o caminho percorrido para que os títulos fossem entregues neste sábado.

“Esse processo começou lá em 1994, mas somente após 20 anos foi firmado um termo onde o Município ficaria competente de, finalmente, entregar as certidões para as famílias que moram aqui. Então, hoje, após todo esse trajeto, junto com o poder judiciário, a Prefeitura de São Luís conseguiu registrar e entregar o documento que atesta a posse de cada um sobre a sua terra”, acrescentou o secretário. 


Os 62 lotes, agora regularizados, compreendem uma extensão de 38 hectares de terra da comunidade São Joaquim de Itapera. Trata-se de um campo com grande potencial para a agricultura familiar que, mesmo com entraves, já vinha sendo cultivada na região. Porém, com a regularização, as atividades vão se intensificar, atraindo ainda mais desenvolvimento para toda a comunidade, como pontuou a juíza Ticiany Maciel Palácio que, na ocasião, representou o presidente do TJ, o desembargador Lourival Serejo e o corregedor-geral, o desembargador Paulo Sérgio Velten. 

“Legalmente, isso representa a constituição de uma direito fundamental civil, que é o direito de propriedade. A partir desse direito, eles [os moradores] vão desenvolver capacidades econômicas para adquirir outros direitos sociais, que é o direito à educação de seus filhos, à saúde”, disse a juíza Ticiany Palácio, que também é coordenadora do Núcleo de Regularização Fundiária da Corregedoria-Geral de Justiça do Maranhão (CGJ-MA).

Transformação social


O título de posse da terra é um benefício essencial e considerado como um dos primeiros passos para desenvolvimento de um povo. De acordo com o promotor de Justiça Agrária do Ministério Público do Maranhão (MPMA), Haroldo Paiva, o andamento do processo costuma ser demorado, em que pese as circunstâncias, mas que sempre será mais célere quando houver diálogo entre as instituições de Estado. 

Garantir o título de posse é garantir “a transformação da vida das pessoas. Quando uma pessoa consegue o título de propriedade de sua moradia, isso tem um poder transformador, fenomenal. É preciso que as instituições dialoguem entre si para avançar mais ainda nesses processos de regularização fundiária”, disse o promotor. 

“Quando você tem a moradia, que é um direito fundamental, é algo muito positivo, ainda mais quando você tem um título que comprova que essa moradia é sua. Isso é cidadania. E é assim que se faz uma cidade melhor”, completou o vereador e membro da Comissão de Mobilidade Urbana e Regularização Fundiária da Câmara de São Luís, Ribeiro Neto (PMN).

Comunidade em festa


A entrega do título de posse veio carregada de muita emoção e alegria para os moradores que, desde que chegaram às terras de São Joaquim de Itapera, viviam de insegurança, sem saber quando teriam em mãos uma certidão que lhes garantisse a propriedade do lote onde, a partir de agora, vão poder cultivar com tranquilidade produtos como milho, feijão, mandioca, dentre outros. 

“Eu esperava por esse momento há 12 anos. Para nós, é um momento de liberdade, de poder ir e vir sem medo, pois já passamos por muita coisa nesse lugar, muita humilhação”, comentou a agricultora Marinilde Matos, de 32 anos, que caracterizou o recebimento do título como uma vitória. “Sair com esse título na mão é uma vitória muito grande. Eu só tenho a agradecer ao nosso prefeito, Eduardo Braide, por essa luta junto com a gente, para que esse dia fosse possível”, ressaltou. 

A emoção também foi grande para a agricultora Maria da Conceição Costa, de 58 anos. “A gente vivia inseguro, sem saber o que seria ao fim do dia ou no dia seguinte. A indecisão era muito grande, nem plantar a gente podia, pois não se sabia se a gente ia dormir ou acordar em casa. Agora, não tenho palavras para dizer o quanto estou realizada com o recebimento desse título. A partir de agora é só felicidade”, finalizou. 


Após o recebimento dos títulos de posse da terra, todos os contemplados receberam uma cesta básica de alimentos doadas pela Secretaria Municipal de Segurança Alimentar (Semsa), que tem realizado um trabalho constante para mitigar os impactos causados pela pandemia de Covid-19, no que diz respeito à alimentação das pessoas de baixa renda e em situação de vulnerabilidade. 

Durante a entrega das Certidões de Regularização Fundiária, estiveram presentes a vice-prefeita de São Luís, Esmênia Miranda; os secretários municipais de Agricultura, Pesca e Abastecimento, Liviomar Macatrão e adjunto, Dilmar Araújo; de Obras e Serviços Públicos, David Col Debella e adjunto, Thiago Trindade; de Administração, Diego Rodrigues; de Segurança Alimentar, Júnior Vieira; o diretor da Blitz Urbana, Ashbel Muniz; e o o secretário-adjunto de Urbanismo, Daniel  Sousa.


Fonte: Prefeitura de São Luís



17 setembro 2021

Presidente do Sampaio anuncia intenção de colocar 12 mil ingressos a venda para o jogo do Sampaio na próxima terça-feira


O torcedor do Sampaio já tem data para voltar ao estádio se depender do presidente Sérgio Frota e do prefeito Eduardo Braide (Podemos). Na próxima terça-feira (21), até 12 mil torcedores vão poder acompanhar a partida contra o Brusque no estádio Castelão.

Sergio Frota afirmou que com a liberação dada pela Prefeitura de São Luís, só falta a reunião do arbitral da série B que ocorre nesta sexta-feira (17).

A Prefeitura de São Luís autorizou 30% da capacidade do Castelão, que oficialmente comporta 40 mil torcedores, ou seja, 12 mil estariam aptos a presenciar a partida.

O presidente do Sampaio lembra que o Cruzeiro já vem jogando com torcida e o Vasco também já obteve a liberação, portanto o natural é também ter público para os demais clubes.

Fonte: Diego Emir

Uma frase verdadeira e atual


A Revista Veja trouxe uma frase do ex-presidente da República, José Sarney, sobre o nosso atual momento na política e no Judiciário.

A frase além de verdadeira e perfeita, refletindo nitidamente o triste momento que o Brasil vai atravessando

“Judicializaram a política e politizaram a Justiça”, afirmou José Sarney, que fez questão de dizer que ouviu a frase de Nelson Jobim, ex-presidente do Supremo Tribunal Federal.

Ou seja, os problemas políticos ultrapassaram os limites dos parlamentos e quase sempre tem sido decidido pelo Judiciário. Já o Judiciário, que deveria pautar suas decisões nas leis, tem quase sempre sendo acusado de decisões políticas.

Uma frase, infelizmente, verdadeira e atual.

Fonte: Blog do Jorge Aragão

AO AGREGAR LIDERANÇAS DE CINCO MUNICÍPIOS DA BAIXADA, OSMAR FILHO MOSTRA FORÇA


Dando seguimento a sua caminhada rumo ao Legislativo Estadual, o presidente da Câmara Municipal de São Luís, Osmar Filho (PDT), demonstrou força ao reunir nesta semana lideranças de cinco municípios da Baixada Maranhense que apoiam seu nome.

No encontro realizado na noite desta quinta-feira (16), em Pinheiro, o vereador reuniu apoiadores dos municípios de Viana, Penalva, Matinha, Cajari e São Vicente Ferrer.

“Estamos firmes nesta luta. Temos certeza que Osmar Filho vai representar a nossa Baixada na Assembleia”, disse o ex-vice-prefeito de São Vicente Ferrer, Lelé Aroucha.


O apoio a pré-candidatura do vereador ludovicense também foi declarado pelo vice-prefeito de Cajari, Constâncio, que disse acreditar nesta vitória da Baixada Maranhense nas próximas eleições.

“A Baixada, com suas vocações, vem progredindo a cada dia. O nosso objetivo é ser mais uma voz em defesa da região na Assembleia Legislativa”, disse Osmar.

O pedetista aproveitou para declarar apoio a pré-candidatura do senador Weverton Rocha (PDT), também presente na reunião, ao Governo do Estado: “O ideal é termos um governador parceiro, para que nossas reivindicações em favor da região possam ter a atenção que merecem”.


O encontro ainda contou com as presenças do presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, Othelino Neto (PCdoB); do presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem), Erlanio Xavier; e do deputado estadual Glalbert Cutrim (PDT).

A agenda de Osmar Filho em Pinheiro também incluiu uma entrevista à Rádio Pinheiro FM; reunião com o prefeito da cidade, Luciano Genésio (PP) e um grupo de vereadores; e participação no encontro regional da caravana “O Maranhão Mais Feliz”, em apoio a pré-candidatura de Weverton, que acontece no início da noite desta sexta-feira (17).

Fonte: Osmar Filho

16 setembro 2021

Prefeitura de São Luís realiza segunda edição do Roteiro Segredos Históricos


A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Turismo (Setur), realizou, na noite desta quarta-feira (15), a segunda edição do Roteiro Segredos Históricos. O início do trajeto, que teve como ponto de partida o Palácio de La Ravardière, sede da Prefeitura Municipal, foi prestigiado pelo prefeito Eduardo Braide, que estava acompanhado da primeira-dama, Graziela Braide e da vice-prefeita, Esmênia Miranda.

"São Luís é uma cidade encantadora e a cada vez que a gente conhece um pouco mais da história, a gente passa a amar mais essa cidade. Uma iniciativa como essa é muito importante para a nossa cultura e turismo, além do que representa também a volta à normalidade. As histórias desvendadas durante o roteiro são um atrativo não só para os turistas, mas, também, para os ludovicenses", destacou o prefeito Eduardo Braide.


Durante abertura de mais uma edição, em frente ao executivo municipal, turistas e ludovicenses prestigiaram a apresentação do grupo de bumba meu boi Itapera do Maracanã.

"Essa é uma edição especial em comemoração aos 409 anos de São Luís e a gente trouxe tanto o grupo de bumba meu boi Itapera do Maracanã, quanto o grupo musical Batuques do Maranhão para animar a noite do público. Para o turista que está visitando São Luís, esse projeto é fundamental para apresentar a cada um deles um pouco da nossa história, da nossa arte e da nossa música", destacou o secretário municipal de Turismo, Saulo Santos.


O Roteiro Segredos Históricos seguiu em direção ao Palácio dos Leões, momento em que foram iniciadas as apresentações teatrais da noite. Em seguida, caminharam até a Capitania dos Portos, Palácio da Justiça, Praça dos Poetas, Casa de Ana Jansen, Praça da Mãe d’Água, Igreja da Sé, Praça Benedito Leite, Rua de Nazaré, Praça João Lisboa, sendo finalizado na Igreja do Carmo.

Durante o percurso, o público teve segredos desvendados pelo guia de turismo Pedro Cardoso e foi orientado e obedeceu as medidas sanitárias de combate à pandemia de Covid-19. Uma equipe da Setur foi destacada exclusivamente para oferecer álcool em gel e máscara para aqueles que estivessem sem o acessório de proteção.

Aprovação

A segunda edição do Roteiro Segredos Históricos foi prestigiada tanto por ludovicenses quanto por turistas, que elogiaram a iniciativa da Prefeitura de São Luís neste momento de retomada gradual do turismo na cidade.


De acordo com a pensionista Rosa Rabelo, de 62 anos, ela e a família estiveram no Centro Histórico na noite desta quarta-feira especialmente para assistir ao evento.

"Soube pelas redes sociais de mais esse passeio. Eu e minha família viemos especialmente para assistir a essa edição, pois perdemos a última. Estou achando tudo muito bom, muito lindo", contou.

O casal de turistas Pâmela Araújo, de 26 anos, e Fabrício Andrade, de 39 anos, de São Paulo, contaram que souberam do evento horas antes. "A gente soube há pouco que ia ter esse evento. Estou arrepiada com tudo", destacou a analista de produção. "É muito bonita a cultura do povo de São Luís, quero prestigiar momentos assim mais vezes", pontuou o fotógrafo.


Fonte: Prefeitura de São Luís